Violência Doméstica

A violência doméstica é entendida como a violência, explícita ou não, praticada dentro de casa ou no âmbito familiar, entre indivíduos unidos por parentesco civil ou natural. Inclui diversas práticas, como a violência e o abuso sexual contra as crianças, maus-tratos contra idosos, e violência contra a mulher e contra o homem.

Pode ser dividida em violência física, violência psicológica e violência sócio-económica, o abandono e a negligência quanto a crianças, parceiros ou idosos também podem ser considerados violência doméstica.

Dentre as formas de violência mais comuns destacam-se a agressão contra a mulher, sob a forma de tapas e empurrões, sofrida por 20% das mulheres brasileiras. E mesmo hoje existindo a Delegacia de Defesa da Mulher ainda existem muitos casos em que a vergonha e o medo são mais fortes que a vontade de denunciar.  Mais da metade das mulheres violentadas não pedem ajuda. Os casos de denúncia pública são bem mais raros, ocorrendo principalmente diante de ameaça à integridade física por armas de fogo, espancamento com marcas, fraturas ou cortes e ameaças de espancamento à própria mulher ou aos filhos.

Mas nem todas as violências deixam marcas físicas e visíveis, as ofensas verbais e morais, que causam dores, que superam a dor física. Humilhações, torturas e o abandono, são difíceis de superar e praticamente impossíveis de prevenir. A violência psíquica de xingamentos, com ofensa à conduta moral da mulher, é vivida por 18% das mulheres. As pesquisas ainda apontam que 8% das mulheres já foram ameaçadas por armas de fogo e 6% sofreram abuso, forçadas a práticas sexuais.

A responsabilidade do marido ou parceiro como principal agressor é de 53% dos casos. Outros agressores comumente citados são o ex-marido, o ex-companheiro e o ex-namorado. O ciúme desponta como a principal causa aparente da violência, assim como o alcoolismo ou estar alcoolizado no momento da agressão.

  1. Almerio Barbosa em disse:

    A violência doméstica causa inúmeros problemas nas mulheres e nas crianças que a sofrem. Sou secretário de escola há mais de 12 anos e, por isso, sei como esse tipo de violência prejudica a criança no seu convívio social e também no aprendizado escolar. Quero saber se existem terapias ou outros tratamentos para homens que praticam esse tipo de violência. Grato.

  2. Jonathan em disse:

    Em minha familia ja ocorreu essa violencia o que me machuca mais e que tambem fui agressor,e muito dificil pra mim hj assumir tal situaçao me sinto um porco sem dignidade semcarater e covarde.luto com meu pscologico todos os dias pra tentar me recuperar. doi saber que fui capaz de agredir a meu conjuge a quem jurei amar. infelizmente isso ocorreu com meus avos pai e mae uma conduta erra e covarde. Estou em busca de tratamento pscologico nao so pra mim como para minha ex companheira!

3 ideias sobre “Violência Doméstica

  1. Silvia

    Durante 23 anos mantive uma união estavel com meu ex, o pior de ser xingada e humilhada a vida inteira pelas filhas, é hoje ver que o homem o qual vivi e tivemos um filho, usa as filhas para me atacarem em redes sociais, o pior é ver meu filho de 15 anos cego com a situação, achando o pai o melhor homem do mundo, tão bom que me deixou com todas as dívidas da empresa, dívidas do colégio, e ainda ele é as filhas denigrem minha imagem o tempo todo nas redes sociais…
    Dizendo que sou vagabunda, isso tudo PQ escolhi ser feliz, pq 8 meses após minha separação, resolvi me dar uma chance de conhecer uma pessoa, a qual me da muito feliz…
    Meu ex marido é manipulador e perigoso, me assusta, cada dia uma novidade, uma calúnia diferente…. Sei que terei que enfrentar este conflito, porém jogar com quem joga sujo me assusta… Mas vou vencer e estarei aqui para ajudar outras mulheres que estejam em situações como a minha…. Abraços

    Responder
  2. tamara

    Preciso do contato de vocês, pois criei uma atividade citando o site e ela será publicada em um livro. Gostaria de saber sobre os direitos de imagem. Preciso que assinem um documento para que eu possa usar a imagem do site.

    Responder
  3. CESAR FERNANDO

    BOA TARDE A TODOS !
    SOU A FAVOR DA NAO VIOLENCIA A “TODOS”, APARENTEMENTE SOMOS IGUAIS CONSTITUIÇÃO, MAS ATENTEM NAO E BEM ASSIM ! TEM MUITA PROPAGANDA, QUE SO O HOMEM, MAS TEM MUITA MULHER MATANDO AGREDINDO, COAGINDO, OS HOMENS DE BEM PODER REAGIR.
    NOS HOMENS PRECISAMOS DE UMA LEI IGUAL A MARIA DA PENHA A NOSSO FAVOR.
    SOU CLASSIFICADO COMO UNIAO ESTAVEL, A PARTIR DO MOMENTO EM QUE COMECEI A DIZER NAO. A DITA COMPANHEIRA, COMEÇOU A URDIR CONTRA O HOMEM, ISSO E VERDADE….
    ELA ME PROVOCOU PERTUBOU DURANTE 1ANO, QUERENDO QUE EU PEDISSE SEPARAÇÃO, LOGICAMENTE PENSANDO NO DINHEIRO (CASA CAIXA PRESTAÇÃO, CARRO PRESTAÇÃO), ESTOU LUTANDO PARA QUE ELA COMPROVE ESFORÇO.
    BEM, VAMOS LA ! ELA NAO CONSEGUIU QUE EU ENTRASSE COM A AÇÃO, O IRMAO DELA E ADVOGADO ANTES DELA VIAJAR NO FINAL DE ANO 2016, ME PROVOCOU/PERTUBOU, QUANDO RESPONDI, LIGOU PARA O 181, RECEBI NOTIFICAÇÃO DELEGACIA.E EM JANEIRO O IRMAO ENTROU COM AÇÃO DE SEPARAÇÃO, E CLARO NAO FALOU QUE SOU BONITO, AO INVES DE ORIENTAR E FALAR SAI DO IMOVEL E O JUIZ VAI VER O QUE TEM DE DIREITO. MAS ORIENTOU ELA FICAR E PERTUBAR.
    FUI A DELEGACIA, RESPONDI E O JUIZ NAO ACATOU POIS VERIFICOU QUE FOI BRIGA DO CASAL, PASSOU 6 MESES DE TORTURA PSICOLOGICA E FINANCEIRA., RESCEBI A NOTIFICAÇÃO DA AÇÃO. AI PIOROU ! ERA SEM PARA, PEDI PARA MEU FILHO NAO SAIR DE DENTRO DE CASA ENQUANTO A PERMANENCIA….. O JUIZ VAI CLASSIFICAR COMO IMPROCEDENTE POIS A PARTE INTERESSADA NAO SAIU DE CASA… ELA RESOLVEU ME AFRONTAR E ME SERCIAR DENTRO DE CASA. IMPEDINDO QUE ENTRASSE NO QUARTO DO NOSSO FILHO MAIOR. QUANDO TENTEI ME DEU UM TAPA NO PEITO, RECUEI E FUI A DELEGACIA. O INSPETOR, NAO QUIZ DAR QUEIXA FALANDO QUE NINGUEM IA ACREDITAR EM HOMEM E QUE EU AINDA IRIA ME DAR MAU, POIS ISSO VIROU ROTINA, POIS A MAIORIA DAS MULHERES ESTAO USANDO A LEI MARIA DA PENHA PARA SE BENEFICIAR EM TUDO…. CHEGUEI EM CASA PIOR DO QUE SAI !, ELA SORRIU DEBOCHADAMENTE E EU FALEI> SE VOCE CONTINUAR ASSIM VOU FALA COM O JUIZ, ELA VOLTOU A RIR DEBOCHADAMENTE E DISSE: “EU VOU TE PERTURBAR ” EU VOU TE PERTURBAR….
    AGORA NO FINAL ELA INVENTOU MENTIRA DE QUE EU AGREDI DEU QUEIXA PELO TELEFONE E FOI AO MINISTERIO PUBLICO QUE ME COLOCOU PRA FORA DE CASA POR 60 DIAS, A JUIZA NAO ESTA ERRA ´POS ELA NAO VIVE DENTRO DA NOSSA CASA PARA SABER QUEM ERROU….. E COM SOMENTE COM AS ALEGAÇÕES DELA AUMENTOU PARA 90 DIAS….. ELA ARMOU UMA ARAPUCA, FALANDO ATRAVES DE UMA PESSOA E DO NOSSO FILHO (PORQUE NAO VOLTOU PARA CASA), POIS JA PEDI A JUIZA QUE EU ME MUDEI… EU RESPONDI AO NOSSO FILHO QUE ISSO NAO E UMA BRINCADEIRA E QUE SOMENTE COM A ORDEM DO JUIZA PODEREI VOLTAR….. SO QUE ELA QUER QUE EU VOLTE PARA SER PRESO. E TAMBEM FORÇAR AO JUIZ DE FAMILIA A JULGAR O QUE IMPROCEDENTE….
    BEM ISTO FOI UM RESUMO NOS HOMENS ESTAMOS ACUADOS SOMOS VITIMAS DE UMA DITADURA FEMINISTA…. NAO QUERO CRIAR POLEMICA, POIS SO ABRIR UM FORUM SOBRE O ASSUNTO QUE VOCES VAO VER A QUANTIDADE DE HOMENS DE BEM COM O MESMO PROBLEMA.
    QUANDO A MULHER E AGREDIDA VERBAL E FISICAMENTE TEM 181, 190, DEAM, MINISTERIO PUBLICO….
    QUANDO E O HOMEN, PROCURA UM ADVOGADO … UE CADE NOSSOS DIREITOS ????

    SOCORRO, PRECISAMOS DE CANAIS DE AJUDA : LEI (IGUAL A MARIA DA PENHA), TEL 182, DEHM (DELEGACIA DO HOMEM)…

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *